Por que energia solar é chamada de energia limpa?

Não é preciso ser ambientalista ou estudar qualquer campo da área da ciência para entender a importância do cuidado com o planeta. No centro dessa discussão está a matriz de energia: ou seja, de que forma captamos energia elétrica, tão importante para nossa sobrevivência. Nesse sentido, é essencial utilizar a energia limpa, com a qual se obtém o recurso necessário para as demandas do seu dia-a-dia, sem poluir ou agravar o impacto sobre o meio ambiente.  

Mas o que é energia limpa? Conceitualmente energia limpa é aquela que não libera, durante seu processo de produção ou consumo, resíduos ou gases poluentes geradores do efeito estufa e do aquecimento global.

Por isso, além de ser limpa, a energia solar também é chamada de renovável. Isso porque sua obtenção é ilimitada, não dependendo da cheia de rios ou de obtenção de recursos limitados, como a queima de material fóssil ou de gases inflamáveis.

Com todos esses cuidados, a energia solar surge como opção cada vez mais adequada. Afinal de contas, enquanto houver Sol, haverá energia solar (mesmo em dias nublados,  como falamos em outro post por aqui . Uma maneira de aproveitar essa inesgotável fonte de energia é com a instalação do sistema de aquecimento solar, por meio do qual os resultados podem ser claramente percebidos. Cada metro quadrado de coletor solar instalado:

Bônus: Saiba como escolher o aquecedor solar de água para sua residência/empresa

  • Evita a inundação de até 112 metros quadrados de água para a geração de energia elétrica, por vias hidrelétricas;
  • Reduz o consumo de 430 quilos de lenha por ano;
  • Poupa-se anualmente 146 litros de gasolina, e até 132 litros de diesel;
  • Evita-se o consumo de 110 kg de GLP (Gás Liquefeito de Petróleo) por ano;
  • Elimina a chance de utilização da energia nuclear (que oferece sérios riscos à saúde).

 

Além disso, o sistema de aquecimento solar não gera desperdício. Também é ecologicamente correto pelo baixíssimo impacto causado pela instalação dos equipamentos que compõem esse tipo de aquecimento.  O fato de não emitir gás carbônico na atmosfera e, por conta disso, não poluir o ar nem mesmo agredir a camada de ozônio é outra vantagem que torna esse mecanismo amigo do meio ambiente. No quesito segurança, mais um ponto para a energia solar: por funcionar sem a necessidade de obtenção de turbinas geradoras, não demanda manutenções grandes e altos investimentos, reduzindo os riscos para a saúde dos envolvidos em sua limpeza.

Mas os benefícios vão além do planeta e chegam também ao seu bolso. Quer ver só? Há sistemas de aquecimento solar com ótima relação custo benefício, que contribuem para esquentar a água que é utilizada, por exemplo, no chuveiro e pia da sua residência ou empresa. Dessa forma, pode contribuir na redução de até 40% da conta de energia — vamos combinar, ela já está bem alta, não é mesmo!? Tudo isso, por que o chuveiro é um dos maiores vilões para encarecer a conta no fim do mês.

Ao adotar a energia solar em sua casa ou empresa, estará fazendo sua parte para cuidar do planeta e deixando também sua consciência mais tranquila e limpa! Que tal?